Pular para o conteúdo principal

“8 Presidentes 1 Juramento – A História de um Tempo Presente”, primeiro documentário de Carla Camurati, estreia 18 de novembro

“8 Presidentes 1 Juramento – A História de Um Tempo Presente”, primeiro documentário da cineasta Carla Camurati, estreia dia 18 de novembro nos cinemas do Brasil. O longa acompanha o compromisso declarado por todos os políticos que ocuparam o cargo mais importante do país nos últimos 35 anos e revive trajetória da democracia desde o movimento da Diretas Já até a posse de Jair Bolsonaro.

Dona de uma filmografia responsável por trazer à tona as ambivalências do país — com destaque para “Carlota Joaquina, Princesa do Brazil” (1995), longa que marca a retomada do cinema nacional nos anos 1990 —, Carla Camurati dedicou mais de três anos à produção do novo longa. 

"Gostaria que o filme nos ajudasse a compreender que a história se constrói no presente, a partir da reflexão sobre o arco dramático da política brasileira nestes 35 anos", afirma a cineasta.   

“8 Presidentes 1 Juramento – A História de Um Tempo Presente” é resultado de uma pesquisa minuciosa em arquivos nacionais e internacionais e apresenta um mosaico de imagens que ilustram as oscilações da vida pública no país. O longa usa registros da imprensa, cinema, jornais e outras mídias, reconstruindo os principais dilemas nacionais. Promessas, corrupção, traições, euforia e desilusão se misturam e têm consequências na realidade de cada brasileiro.   

Ao observar as reviravoltas da República a partir de 1985, o documentário examina sob que condições cada presidente seguiu o juramento oficial, presente no Artigo 78 do texto constitucional de 1988. Entre expectativas e frustrações, o filme lança um olhar sobre as atitudes presidenciais diante do compromisso firmado com o país. As imagens mostram como a história política do país impactou a sociedade brasileira e traz uma nova luz ao período de redemocratização do Brasil.   

Sinopse  

Através de materiais de arquivo de diferentes mídias, nacionais e internacionais, o filme reconta a história do processo da redemocratização brasileira, do movimento das Diretas Já à posse de Jair Bolsonaro.

Ficha Técnica   

Direção, produção e roteiro - Carla Camurati   

Codireção - Mario Andrada   

Montagem - Joana Ventura Edt.   

Música original - André Abujamra   

Pesquisa de imagens - Antonio Venancio   

Coordenação de produção - Carlos Proença   

Edição de som e mixagem - Ariel Henrique e Luana Leobas   

Produção e distribuição: Copacabana Filmes   

Coprodução: Globo Filmes, GloboNews e Globoplay   

Sobre a diretora - Carla Camurati    

Atriz, diretora, roteirista, produtora e gestora cultural, Carla Camurati teve um papel decisivo para o audiovisual brasileiro com filmes icônicos em seu currículo como Carlota Joaquina, a Princesa do Brazil (1995) e Getúlio (2014).   

Foi articuladora da Academia Brasileira de Cinema e acumula experiências na gestão cultural, organização de eventos, direção teatral e de conteúdo, tendo sido Presidente da Fundação Theatro Municipal por mais de 7 anos e Diretora de Cultura dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Desde 2003 Carla dirige o FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil, maior evento de cinema para crianças no Brasil.  

Em 2018 Carla iniciou a produção do seu 5º longa-metragem como diretora, o documentário 8 Presidentes 1 Juramento - A História de um Tempo Presente, que revive a história política do poder executivo do Brasil entre 1984 e 2019 exclusivamente através de uso de imagens de arquivo, registrados por diversos veículos de comunicação.  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.