Pular para o conteúdo principal

Doença cardiovascular em mulheres também merece atenção no mês de prevenção do câncer de mama

Especialista alerta: infarto do miocárdio e o derrame cerebral matam cerca de 10 a 15 vezes mais as mulheres


Estamos no "Outubro Rosa" em Campanha Internacional para o alerta sobre a Prevenção do Câncer de Mama. O câncer mais frequente entre as mulheres.

Os dados do Ministério da Saúde mostram que as taxas de morte pelo câncer de mama estão reduzindo nos últimos anos, e que o Brasil apresenta índices de mortalidade entre os mais baixos do mundo ao lado de países desenvolvidos. Isso significa que a Campanha Outubro Rosa vem trazendo resultados positivos.

Porém, neste mês em que todas as atenções estão voltadas para à prevenção do câncer de mama, especialistas alertam para a gravidade da doença cardiovascular em mulheres. "Muitos desconhecem, mas o infarto do miocárdio e o derrame cerebral matam cerca de 10 a 15 vezes mais mulheres do que o câncer de mama", avalia o cardiologista, diretor do InCor (Instituto do Coração) e Hospital Sírio Libanês, Roberto Kalil.

O estudo publicado em 2020 mostrou que o Infarto do Miocárdio e o Acidente Vascular Cerebral são as principais causas de morte em mulheres no Brasil, e que o nosso país ocupa a sexta posição no ranking mundial de taxas de mortalidade por infarto e Acidente Vascular Cerebral em mulheres, contabilizando 205 mortes por 100.000 habitantes. Nesse cenário a

Organização Mundial da Saúde reforça que a doença é responsável por um terço dos óbitos de mulheres em todo mundo, o que equivale a quase 8,5 milhões de óbitos por ano.

Um dos grandes desafios para mudar essa realidade é que as mulheres não reconhecem que a Doença Cardiovascular é maior causa de morte entre elas. Dados de uma pesquisa informal entre as mulheres, mostraram que quase 60% delas acreditam que vão morrer de câncer e somente 18% do coração. Há um mito que infarto do miocárdio é a doença dos homens, alerta o Dr Kalil.

O doutor explica, ainda, que modificações hormonais após a menopausa, tornam as mulheres mais expostas ao infarto do miocárdio, e tão suscetíveis quanto aos homens. No entanto, elas morrem mais. Uma das explicações para esse fato é que, os homens tendem a se prevenir mais contra as doenças cardiovasculares do que as mulheres. Por mais esta razão, a falta de prevenção faz as mulheres serem vítimas de infartos mais graves", explica.

Nesse sentido o Dr Kalil alerta para as mudanças no estilo de vida tais como evitar o tabagismo, sedentarismo e a obesidade e recomenda que a avaliação cardiológica periódica, deva ser incluída nos exames da rotina feminina, como o Papanicolau e a mamografia, principalmente naquelas mulheres diabéticas, hipertensas e que tenham colesterol alto.

Roberto Kalil é presidente do Conselho Diretor do Instituto do Coração (InCor/HCFMUSP) e diretor do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês.

Dr Roberto Kalil - presidente do Conselho Diretor do Instituto do Coração (InCor/HCFMUSP) e diretor do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.