Pular para o conteúdo principal

Adolescente mata irmãos queimados por ciúmes da mãe e ódio do padrasto

O adolescente de 16 anos suspeito de matar os dois irmãos mais novos, Vicente e Valentim Costa de 4 e 2 anos, confessou o crime para a mãe antes de ser levado para a delegacia. 


As crianças foram encontradas carbonizadas dentro de casa em Maricá, na Região Metropolitana do Rio. O adolescente foi apreendido na noite de segunda-feira (25). 

A vizinha disse que estava em casa quando ouviu os gritos de desespero da mãe ao encontrar os filhos pequenos no chão. Neste momento, segundo testemunhas, o adolescente não estava em casa, mas foi achado por outros vizinhos e levado até o local. Quando mãe e filho se encontraram, Maria das Graças disse que ele confessou ter matado os irmãos.

Segundo a polícia, o crime foi motivado por ciúmes da mãe, além do ódio que sentia pelo padrasto, pai das vítimas. O adolescente foi apreendido por fato análogo ao crime de homicídio qualificado por motivo fútil e encaminhado ao Departamento de Ações Socioeducativas (Degase).

Ainda segundo a polícia, o adolescente é suspeito de asfixiar os irmãos, mediante esganadura e, em seguida, atear fogo nas crianças ainda vivas. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG).

"A gente ouviu gritos, no princípio pensei que era a televisão. Abri a janela do meu quarto e vi que era aqui fora. Aí saí eu, minha filha e meu marido. Quando chegamos aqui, encontramos a mãe gritando 'Mataram meus filhos, mataram meus filhos'. Meu marido então abriu o portão [da casa onde as crianças moravam], entrou e viu as duas crianças no chão, queimadas", contou.

Testemunhas disseram que a mãe dos meninos havia saído de casa para ir a um comércio e deixou os mais novos com o irmão mais velho. O caso aconteceu na Rua 02, no bairro Cordeirinho.

Quando voltou, ela encontrou os filhos com os corpos em chamas e tentou salvá-los, mas os meninos não resistiram. Ainda segundo testemunhas, o adolescente não estava em casa no momento em que a mãe chegou, mas foi encontrado por vizinhos na região.

"Ela achava que alguém tinha entrado, matado as duas crianças e tinha sequestrado o filho [adolescente]. Mas depois o pessoal aqui do local e a polícia acharam e trouxeram ele [o adolescente]", disse a vizinha.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.