Abrafibro promove Live sobre como lidar com o luto em meio à pandemia - Envira News

Ultimas

Post Ads

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Abrafibro promove Live sobre como lidar com o luto em meio à pandemia

Especialistas irão abordar o impacto das perdas por Covid-19 para pacientes de fibromialgia e o medo da doença

No próximo dia 12 de maio (quarta-feira), às 20h, a Associação Brasileira dos Fibromiálgicos (Abrafibro), em parceria com a Libbs, promove uma live em seu canal no YouTube para abordar o luto em tempos de pandemia. A transmissão contará com a presença do psiquiatra Neury Botega, professor titular pelo Departamento de Psicologia Médica e Psiquiatria da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e terá mediação de Sandra Santos, fundadora e presidente da Abrafibro.

Atualmente, ainda não há uma razão específica para o desenvolvimento da fibromialgia, mas especialistas apontam que a síndrome pode ser consequência de estresse ou situações graves de traumas psicológicos. Com isso, pacientes com fibromialgia acabam sendo mais suscetíveis a crises em meio a pandemia e a convivência com o luto das vítimas da Covid-19.

"A pandemia de coronavírus tem representado uma fonte de sintomas de ansiedade e de depressão para muitas pessoas. Quando tais sintomas se agravam, há mudanças em toda a regulação do organismo, em resposta ao stress crônico. Isso agrava as dores de quem sofre de fibromialgia. Por isso é tão importante encontrarmos estratégias para lidar com ansiedade e depressão durante essa fase de distanciamento social", afirma o psiquiatra Neury Botega, professor aposentado da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp.

Entre os temas que serão abordados, os especialistas irão responder o motivo pelo qual a tristeza pode ser ainda maior em pacientes fibromiágicos, além de debater como esse grupo pode lidar com a dor do luto e o medo da doença. O objetivo é tirar dúvidas e levar esclarecimentos para pacientes fibromiálgicos e familiares que estejam enfrentando os efeitos da pandemia.

"A síndrome da fibromialgia pode ter consequências médicas e psicossociais, como a restrição de atividades, deficiência motora e interrupções da jornada profissional. Além disso, a necessidade de cuidados às vezes é subestimada. Nesse encontro, além de detalharmos essa situação dos pacientes, vamos abordar a questão da tristeza para o quadro fibromiálgico, e como ela pode ter um impacto maior para esse grupo. Nosso objetivo também será ajudar essas pessoas que perderam entes queridos para a pandemia a conseguirem viver esse luto", ressalta Sandra Santos, da Abrafibro.

A transmissão é aberta ao público e também haverá espaço para perguntas da audiência, após as apresentações das especialistas. Para acessar, não é necessária inscrição, basta acessar o link abaixo:

SERVIÇO

Live - A dor da perda: como lidar em tempos de pandemia

Data: 12 de maio, 20h

Transmissão: Perfil da Abrafibro no YouTube http://www.youtube.com/channel/UCRanYaHg3MwZ5upd-H7IcFg

Participação: Neury Botega (psiquiatra) e Sandra Santos (fundadora e presidente da Abrafibro).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Ads