Pular para o conteúdo principal

Abrafibro promove Live sobre como lidar com o luto em meio à pandemia

Especialistas irão abordar o impacto das perdas por Covid-19 para pacientes de fibromialgia e o medo da doença

No próximo dia 12 de maio (quarta-feira), às 20h, a Associação Brasileira dos Fibromiálgicos (Abrafibro), em parceria com a Libbs, promove uma live em seu canal no YouTube para abordar o luto em tempos de pandemia. A transmissão contará com a presença do psiquiatra Neury Botega, professor titular pelo Departamento de Psicologia Médica e Psiquiatria da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e terá mediação de Sandra Santos, fundadora e presidente da Abrafibro.

Atualmente, ainda não há uma razão específica para o desenvolvimento da fibromialgia, mas especialistas apontam que a síndrome pode ser consequência de estresse ou situações graves de traumas psicológicos. Com isso, pacientes com fibromialgia acabam sendo mais suscetíveis a crises em meio a pandemia e a convivência com o luto das vítimas da Covid-19.

"A pandemia de coronavírus tem representado uma fonte de sintomas de ansiedade e de depressão para muitas pessoas. Quando tais sintomas se agravam, há mudanças em toda a regulação do organismo, em resposta ao stress crônico. Isso agrava as dores de quem sofre de fibromialgia. Por isso é tão importante encontrarmos estratégias para lidar com ansiedade e depressão durante essa fase de distanciamento social", afirma o psiquiatra Neury Botega, professor aposentado da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp.

Entre os temas que serão abordados, os especialistas irão responder o motivo pelo qual a tristeza pode ser ainda maior em pacientes fibromiágicos, além de debater como esse grupo pode lidar com a dor do luto e o medo da doença. O objetivo é tirar dúvidas e levar esclarecimentos para pacientes fibromiálgicos e familiares que estejam enfrentando os efeitos da pandemia.

"A síndrome da fibromialgia pode ter consequências médicas e psicossociais, como a restrição de atividades, deficiência motora e interrupções da jornada profissional. Além disso, a necessidade de cuidados às vezes é subestimada. Nesse encontro, além de detalharmos essa situação dos pacientes, vamos abordar a questão da tristeza para o quadro fibromiálgico, e como ela pode ter um impacto maior para esse grupo. Nosso objetivo também será ajudar essas pessoas que perderam entes queridos para a pandemia a conseguirem viver esse luto", ressalta Sandra Santos, da Abrafibro.

A transmissão é aberta ao público e também haverá espaço para perguntas da audiência, após as apresentações das especialistas. Para acessar, não é necessária inscrição, basta acessar o link abaixo:

SERVIÇO

Live - A dor da perda: como lidar em tempos de pandemia

Data: 12 de maio, 20h

Transmissão: Perfil da Abrafibro no YouTube http://www.youtube.com/channel/UCRanYaHg3MwZ5upd-H7IcFg

Participação: Neury Botega (psiquiatra) e Sandra Santos (fundadora e presidente da Abrafibro).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.