Pular para o conteúdo principal

Programação do Afetos, da Casa Natura Musical, se soma aos projetos de incentivo e visibilidade aos povos originários fomentados por Natura Musical

Com o tema "Nada Pode Nos Parar", série recebe os artistas Kaê Guajajara e Edivan Fulni-ô

Edivan Fulni-ô é artista indígena, cantor e compositor

Comemorado no dia 19 de abril, o Dia da Diversidade Indígena reforça a importância do olhar para a multiplicidade dos povos originários e suas buscas pela preservação e respeito das tradições, organizações e saberes. Para marcar a data, o mês de abril será composto por ações da Casa Natura Musical e da plataforma Natura Musical que objetivam dar visibilidade e amplificar as vozes de pessoas e ações representativas desta comunidade.

Um dos destaques será uma edição do projeto Afetos com Kaê Guajajara (@kaeguajajara) e Edivan Fulni-ô (@edivanfulnio) no dia 22 de abril, quinta-feira, 19h, no Instagram @casanaturamusical. O tema do Afetos em abril é Nada Pode Nos Parar e a curadoria reúne convidados que se destacaram no ano, criando e experimentando com os novos meios de produção artística.

O projeto, concebido em abril de 2020, traz para as telas um bate-papo de camarim íntimo e acolhedor compartilhado com o público. É possível assistir às edições anteriores do Afetos pelo IGTV da Casa e no seu canal do YouTube - rede em que também estão disponíveis vídeos com outros projetos criados pelo equipamento cultural. Na editoria da Casa em que artistas recomendam os trabalhos de outros artistas, o Artista Indica Artista, o foco do mês será em integrantes de povos originários.

Com ações afirmativas que também contemplam o próprio conceito curatorial de Natura Musical, a plataforma fomenta projetos artísticos de nomes como Kunumi MC, rapper indígena, morador da Aldeia Krukutu (SP), que trabalha para o lançamento do disco "Nhemongarai"; Dessa Ferreira, artista afro-indígena que fará o lançamento de clipes e lives que giram em torno do EP Pulso; a Mostra Pankararu de Música, iniciativa do povo Pankararu, que realiza capacitação profissional, shows e imersão artística na Aldeia Bem Querer de Cima, em Pernambuco, a cantora e compositora Djuena Tikuna com o projeto TORÜ WIYAEGÜ, que propõe registrar a música tradicional do povo Tikuna, do Amazonas, em livro e CD.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.