Pular para o conteúdo principal

Pacheco e Lira afirmam a empresários que Reforma Administrativa será apreciada até o meio do ano e a Tributária até o fim de 2021

 

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e da Câmara, Arthur Lira se reuniram com os maiores grupos empresariais privados do país a convite do presidente da Fiesp Paulo Skaf

Em reunião nesta segunda-feira, 1º de março, o Conselho Superior Diálogo pelo Brasil ouviu dos presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) e da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) que as reformas estruturais ganharão impulso no Congresso. Segundo eles, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) Emergencial irá em breve à votação no Senado, a administrativa deverá ser apreciada pelas duas casas ainda no primeiro semestre e a tributária até o fim do ano.

O Diálogo pelo Brasil congrega os 50 maiores grupos privados brasileiros de vários setores da economia. A reunião foi comandada pelo presidente da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP e CIESP), Paulo Skaf, que recebeu na sede da entidade Rodrigo Pacheco, acompanhado do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), ex-presidente do Senado e atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça da casa. Lira e os demais empresários participaram virtualmente.

Skaf elogiou a disposição de Pacheco e Lira de colocarem em debate e em votação essas reformas. "Há clima e alinhamento entre os Poderes, com foco nos interesses do Brasil, para dar andamento a essas reformas estruturais", destacou. "Os senhores podem contar com a classe produtiva brasileira."

A avaliação dos dois parlamentares é que a reforma tributária, por ter menos consenso, será discutida por mais tempo. "Sabemos que precisamos de um sistema mais simples, menos burocratizado", resumiu Pacheco. Para Lira, a aprovação da reforma administrativa, que em suma trata do tamanho do estado, será uma sinalização econômica importante. "Trará um ambiente de previsibilidade para os investidores", afirmou. Ambos defenderam a aprovação do auxílio emergencial, que deverá ter a duração de quatro meses.

O tema das reformas também foi tratado por Pacheco e Lira em reunião no domingo (28/2), no Palácio do Alvorada com o presidente Jair Bolsonaro e a cúpula do governo. Na mesma ocasião, falaram da situação da vacinação da população brasileira. Eles relataram aos empresários que em março e abril deverão estar disponíveis 70 milhões de doses de vacinas Astrazeneca e Coronavac.

Pacheco explicou o projeto de lei 534/2021 já aprovado no Senado que autoriza a União a contratar vacinas sob determinados riscos, mas com segurança jurídica, bem como que estados, municípios e iniciativa privada adquiram imunizantes por conta própria. Depois de vacinados os grupos prioritários, as empresas poderiam ficar com metade das doses para vacinar seus funcionários - a outra metade iria para o Sistema Único de Saúde (SUS). Isso pode destravar a compra das vacinas da Pfizer e Johnson & Johnson.

"A obrigação é da União, mas a participação da iniciativa privada é bem-vinda. É bom que ela participe ativamente, para ganho de escala, com todos vacinados até o final do ano", disse o senador. Para Skaf, o país está passando por um momento de agravamento da Covid-19, mas as perspectivas em dois ou três meses, com a chegada e fabricação de milhões de doses vacinas é positiva. "Vamos conseguir vacinar os principais grupos de risco", afirmou.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.