Obras de saneamento em Envira passam por vistoria de funcionamento - Envira News

Ultimas

Post Ads

domingo, 14 de março de 2021

Obras de saneamento em Envira passam por vistoria de funcionamento

Em Envira, na calha do Juruá, o governador Wilson Lima vistoriou o funcionamento de três Estações de Tratamento de Água Móvel (Etam) que vão abastecer as famílias atingidas pela enchente. O município é um dos quatro situados na calha do Juruá onde o governador, pessoalmente, comandou as ações da Operação Enchente 2021, nesta sexta-feira (12).

Nos governos anteriores, eram levados garrafões com água mineral para abastecer as vítimas durante o período de enchente. Há três anos, a prioridade do Governo do Estado é montar estações de tratamento para atender os necessitados, mantendo a estrutura nos municípios.

“Esse é um projeto que nós estamos trazendo desde 2019, desde que eu iniciei o governo. Diferente de outros anos, nós estamos trazendo uma solução a médio prazo. Esses filtros duram entre 10 e 15 anos. A água pode ser captada no rio, de um poço, de uma cacimba, e em pouco tempo ela é tratada e se torna própria para o consumo”, descreveu o governador.

Elimar Gomes da Silva, de 27 anos, mora na zona rural de Envira. Ele elogiou o sistema de tratamento de água. Onde ele vive, a comunidade pega água direto do rio ou do igarapé. “Achei o sistema bom porque agora nós conseguimos abastecer aqui perto do barco”, disse Elimar.

Cada reservatório dessas estações tem capacidade entre 1 mil e 5 mil litros. Em Boca do Acre, na calha do Purus, município que também sofre os efeitos da enchente, outras três estruturas como essas foram instaladas.
Ajuda humanitária

Ainda por meio da Operação Enchente 2021, o Governo do Estado entregou, em Envira, 25 toneladas de alimentos, 3 mil litros de gasolina e mil botijões de gás de cozinha.

Para o município foram destinados 1.229 kits de higiene, 123 kits dormitório com colchão, travesseiro e roupa de cama, 1.229 kits de limpeza e 976 redes. A ajuda é destinada a 6.884 pessoas, o que corresponde a 1.721 famílias, segundo a Defesa Civil do Estado do Amazonas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Ads