Pular para o conteúdo principal

PROADI-SUS: Projeto Regula Mais Brasil lança serviço de teleconsultas para pacientes dos serviços da Atenção Primária no Amazonas

A iniciativa será implementada em fases em todo o estado nos próximos meses


A partir do mês de julho, os usuários dos serviços de Atenção Primária à Saúde (APS) que necessitam de consultas e acompanhamento com especialistas poderão ser atendidos em consultas médicas por meio de videochamadas em todo o estado do Amazonas.

Os pacientes terão acesso a especialidades como cardiologia, endocrinologia, neurologia, reumatologia, ortopedia e traumatologia.

A iniciativa será liderada pelo time do projeto Regula Mais Brasil, realizado de forma colaborativa com os hospitais membros do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS): Hospital Alemão Oswaldo Cruz, HCor, Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Moinhos de Vento e Hospital Sírio-Libanês.

Nas duas primeiras fases, serão atendidos via teleconsulta os pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) em Manaus, capital do estado. O encaminhamento funcionará da seguinte forma: os médicos da APS avaliam a necessidade de atendimento especializado e, em caso positivo, encaminham o paciente via ambulatório virtual no SISREG, o software do Ministério da Saúde que organiza a fila de espera para consultas no SUS.

Para acessar o serviço, o paciente precisa apenas de um aparelho telefônico ou estar conectado à internet (computador, notebook ou smartphone). No momento do agendamento, deve acessar o link enviado, através do qual é possível realizar a consulta com o especialista. A capital Manaus será atendida a partir do mês de julho, e a previsão é de implantação em todo estado até o final do ano, com previsão de realizar 600 teleconsultas até dezembro de 2020.

Mais segurança e praticidade no momento da pandemia

Para Sabrina Dalbosco Gadenz, gerente do projeto, a possibilidade de realizar consultas à distância para pacientes com condições crônicas ajuda a protegê-los do contágio pela COVID-19: "As teleconsultas diminuem a necessidade de deslocamento e protegem pacientes que integram os grupos de risco, sem deixar essa população desassistida", comenta.

Dr. Cesar Higa Nomura, superintendente de medicina diagnóstica Sírio-Libanês e patrocinador do projeto complementa: "Estamos agregando o serviço de teleconsulta em uma localidade em que já fazemos a telerregulação e a teleconsultoria. Isso possibilita que pacientes continuem sendo atendidos e acompanhados mesmo nesse momento delicado de pandemia", destaca. O médico explica ainda que o acompanhamento dos pacientes, mesmo no ambiente virtual, é contínuo. "O ambulatório virtual possui vagas reservadas para retorno de pacientes mais graves, e caso a condição do paciente não possa ser solucionada via consulta virtual, o paciente pode ser direcionado para uma consulta presencial com prioridade no atendimento" .

Esse formato do projeto estará vigente no Amazonas enquanto durar a emergência nacional de saúde pública. E para agilizar a consulta com a prioridade adequada e apoiar na resolução de casos na atenção primária à saúde (APS), a telerregulação e a teleconsultoria continuam sendo realizadas, garantindo assim, a redução no tempo de espera e o tamanho das filas com especialistas.

Desde 2018, o projeto já regulou mais de 400 mil casos no Distrito Federal, Belo Horizonte, Porto Alegre, Amazonas e Recife.

Sobre o PROADI-SUS

O Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) foi criado em 2009 com o propósito de apoiar e aprimorar o Sistema Único de Saúde (SUS) por meio de projetos de capacitação de recursos humanos, pesquisa, avaliação e incorporação de tecnologias, gestão e assistência especializada aprovados pelo Ministério da Saúde. Hoje, o programa reúne cinco hospitais sem fins lucrativos que são referência em qualidade médico-assistencial e gestão: Hospital Alemão Oswaldo Cruz, HCor, Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Moinhos de Vento e Hospital Sírio-Libanês. O PROADI-SUS é mantido com recursos dos hospitais participantes, equivalente no mínimo ao valor da contribuição social. Os projetos levam à população a conhecimento dos hospitais em iniciativas que atendem necessidades do SUS. Entre os principais benefícios do PROADI-SUS, destacam-se: redução de filas de espera; qualificação de profissionais; pesquisas do interesse da saúde pública para necessidades atuais da população brasileira; gestão do cuidado apoiada por inteligência artificial e melhoria da gestão de hospitais públicos e filantrópicos em todo o Brasil. Para mais informações sobre o Programa e projetos vigentes no atual triênio, acesse: http://hospitais.proadi-sus.org.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.