Pular para o conteúdo principal

#OrgulhoDaTerrinha: Iogan Ariel transforma seu sofrimento em peça teatral



Peça teatral aborda temas tabus como depressão, suicídio, ansiedade procurando abrir espaço para o diálogo e a empatia.



O espetáculo teatral “Bonum & Malum” escrito por Iogan Ariel, filho de Envira, será apresentada em todos os domingos de novembro com o objetivo de propor discussões empáticas e promover reflexões sobre o cuidado com a mente.

"Qual o inferno de um suicida?".

Esse foi o principal questionamento a nortear o projeto do acadêmico de teatro Iogan Ariel, chamado “Bonum & Malum”, de um coletivo independente de teatro da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O espetáculo teatral vai estrear no dia 4 de novembro, sempre às 17h30, no Largo São Sebastião. A peça será apresentada em todos os domingos do mês de novembro, com o objetivo de propor discussões empáticas e promover reflexões sobre o cuidado com a mente. 
"Bonum & Malum" começou a ser escrito quando a crise depressiva de Iogan estava no auge. "E, como artista que sou, transformei minha inquietação em arte. Assim nasceu uma dramaturgia que expõe o diálogo de dois seres que clamam por empatia, mas são incapazes de tê-la pelo próximo. Um reflexo nosso, como seres humanos. Atores que não sabem atuar e artistas que não sabem amar", declara o diretor do espetáculo.
A estética, composta por iluminação, cenografia e figurino, foi inspirada no trabalho do diretor Robert Wilson, um dos maiores nomes do Teatro do Absurdo atualmente. "Em especial porque o espetáculo não só bebe dessa linguagem, mas mergulha nela para expor de forma cômica e solene nossa incapacidade de se colocar no lugar do outro", comenta ele. A sonoplastia viaja para a era vitoriana. "De onde a estética também se inspira, nos colocando entre valsas e boleros", complementa Ariel.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.