Pular para o conteúdo principal

Novo exame detecta lesões pré-cancerosas em mulheres em Envira



Manaus – De 570 análises de exames preventivos, cujas amostras foram preparadas pelo método de citologia em meio líquido, coletadas em mulheres no Envira (a 1.208 quilômetros de Manaus), entre março e abril deste ano, durante a visita do Barco PAI ‘Todos pela Vida’, 12 apresentaram lesões pré-cancerosas. A informação é da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon).

De acordo com o órgão estadual, o exame de rastreio tem a finalidade de detectar lesões de diversos graus no colo uterino, causadas, em geral, pelo vírus HPV, ajudando a prevenir o câncer. As pacientes que apresentaram lesões pré-cancerosas serão submetidas a procedimentos de colposcopias para a realização de biópsias e conizações (cirurgias de pequeno porte). Em caso de diagnóstico de câncer, elas serão encaminhadas para tratamento na FCecon, explicou o diretor-presidente da instituição, cirurgião oncológico Marco Antônio Ricci.

“O tumor de colo uterino é o mais incidente entre as amazonenses e essa medida ajuda a combatê-los e viabiliza o diagnóstico precoce da doença, reduzindo a mortalidade”, explicou Ricci.

A metodologia foi implantada na rede pública do Amazonas, através do Fundo de Promoção Social (FPS), que adquiriu 5 mil kits de citologia em meio líquido para serem levados a comunidades ribeirinhas no interior do Estado por meio do barco do Pronto Atendimento Itinerante (PAI). O exame apresenta mais eficácia que o Papanicolau. “Isso significa uma maior capacidade de descobrir se as mulheres podem desenvolver o câncer no colo uterino e agir de maneira preventiva”, destaca a presidente de honra do FPS, Socorro Siqueira.

Citologia em meio líquido?
“A citologia em meio líquido é um procedimento que aumenta a sensibilidade do teste (Papanicolaou), por eliminar componentes que poderiam prejudicar a leitura da lâmina, como muco e sangue, aumentando sua visibilidade”, explicou a diretora de Ensino e Pesquisa da FCecon, Dra. Kátia Luz Torres. Além disso, o método convencional tem maior quantidade de campos a serem avaliados, o que torna a leitura mais demorada. “No meio líquido, o agente de saúde coleta o material no colo uterino e o envia à análise, de forma que ele fique mais bem conservado. Quando chega ao laboratório, ele é analisado através de um equipamento automatizado”, explicou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presos arrombam 'presídio' e estão à solta em Envira

Envira - Nos últimos meses os cidadãos envirenses tem observado alarmados o aumento da criminalidade em nossa tão amada cidade. Todos os dias observamos postagens nas redes sociais, status de WhatsApp e mensagens em grupos de cidadãos denunciando roubos e furtos. É preocupante pensar que Envira esteja passando por uma situação como essas: furtos, assaltos, roubos ou a cobrança de pedágios ao tentar entrar em determinados bairros e ruas. Não existe uma preferência, rouba-se veículos, smartphones, alimentos, roubas e até animais. Além de todos esses problemas ainda existe a enorme preocupação com o tráfico de drogas, a violência crescentes e a ociosidade dos jovens. As informações que temos é que após o pedido de remoção do Tenente Felipe Cerqueira (feito por ele mesmo), outros policiais que são muito queridos e bastante competentes em suas ações, também pediram remoção e estarão deixando a cidade de Envira futuramente. Nossa cidade perderá um destacamento de policiais em um momento cru

Há 2 dias jovem em situação grave aguarda regaste aéreo em Envira

Envira - Na última quinta-feira (04), o jovem Adenízio da Silva, mais conhecido como Diezon, se acidentou com uma arma de fogo. De acordo com informações repassadas pelos seus familiares, o jovem encontrava-se em uma embarcação de pesca, onde fazia a limpeza de uma arma de fogo, enquanto acidentalmente acabou apertando o gatilho da arma, que veio a disparar em seu rosto. O jovem encontra-se internado na Unidade Hospitalar do Município de Envira aguardando sua transferência para a Capital, familiares informam que ele encontra-se com a bala ainda alojada na garganta, com ferimentos graves no trato respiratório e com grande dificuldade de respirar. A família informou que desde o momento que o jovem deu entrada no hospital a equipe médica comunicou a gravidade da situação que o jovem se encontra, e que tem buscado contato com os gestores municipais solicitando ajuda, mas não tem conseguido uma resposta exata sobre quando ocorrerá a transferência do mesmo. 

Em Eirunepé-AM, PMAM captura foragido do Sistema Prisional de Envira

Indivíduo de 29 anos foi conduzido e entregue na Delegacia de Polícia de Eirunepé Eirunepé - Policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar - CIPM, apreenderam por volta das 20h, desta terça feira (07), um meliante de 29 anos que encontrava-se foragido do Sistema Prisional de Envira, o mesmo estava escondido em uma residência no bairro de São Domingos. Os policiais detiveram o foragido após recebimento de várias denúncias informando que o mesmo se encontrava escondido na residência. Após investigação foi confirmado a denúncia, o mesmo foi preso pela guarnição da 1ª CIPM e em seguida encaminhado ao 7º DIP-AM.